Uniformização do Desenvolvimento de Sistemas Informatizados
Identificação do Projeto

Nome: Uniformização do Desenvolvimento de Sistemas Informatizados

Data do início : 20/07/2015

Gestor do Projeto : André Ricardo Lapetina Chiaratto

Processo Administrativo: Não informado

Participantes : image

Gerente do Projeto: André Ricardo Lapetina Chiaratto

Valor Planejado : R$ 0,00

Valor Executado : R$ 0,00

Implementação:
100%
Acompanhamento:
Objetivo do Projeto

  • Assegurar que o sistema de TI da Justiça Federal atue de forma integrada e colaborativa, por meio da uniformização de procedimentos e metodologias, de modo a reduzir a heterogeneidade, permitindo a interoperabilidade, o melhor compartilhamento do conhecimento e a melhoria na execução das rotinas de trabalho, gerando economicidade e aumento da eficiência operacional.
  • Evitar a multiplicação desnecessária de esforços e dispêndio de recursos no desenvolvimento / aquisição de sistemas semelhantes em vários órgãos da JF. Realizar desenvolvimento/aquisição conjunta de sistemas , favorecer a integração de sistemas e informações e facilitar e melhorar o controle e a gestão.


  • Justificativa

    A Resolução CJF n° 313, de 22 de outubro de 2014, que dispôs sobre a gestão estratégica da Justiça Federal, trouxe em seu anexo o Caderno da Estratégia da Justiça Federal para o período de 2015 a 2020. Esse caderno é composto pelo Plano Estratégico da Justiça Federal - PEJF e pelo Plano Estratégico de Tecnologia da Informação - PETI. Dentre os macrodesafios elencados no caderno, destaca-se a "Melhoria da infraestrutura e governança de TIC da Justiça Federal", que será alcançado pelo "uso racional dos instrumentos de Tecnologia da Informação e Comunicação, alinhado às políticas de TIC definidas pelo Conselho Nacional de Justiça. Visa garantir confiabilidade, integralidade e disponibilidade das informações, dos serviços e sistemas essenciais da Justiça, por meio do incremento e modernização dos mecanismos tecnológicos, e dos controles efetivos dos processos de segurança e de riscos, assim como a otimização de recursos humanos, orçamentários e tecnológicos." (extraído do PETI, anexo à Resolução CJF Nº 313/2014).

    Escopo do Projeto

  • Identificar iniciativas comuns de desenvolvimento de sistemas nos órgãos da JF;
  • Submeter para avaliação do Comitê Diretivo de TI;
  • Definir órgão responsável pela gestão do projeto;
  • Definir grupo de trabalho que irá atuar no desenvolvimento da atividade;
  • Planejar a atividade seguindo os artefatos do MCTI-JF.

  • Não-Escopo do Projeto

    Não informado.

    2015 © Conselho de Justiça Federal - Secretaria de Estratégia e Governança - observatorio@cjf.jus.br